Marc Jacobs pode assumir posto de John Galliano na Dior

0
82
Marc Jacobs
Marc Jacobs é apontado como provável substituto de John Galliano na Dior

 

Enquanto a Dior não anuncia o sucessor de John Galliano, boatos sobre o novo diretor criativo da maison não param de aparecer na imprensa internacional. Segundo matéria publicada recentemente pelo WWD, Marc Jacobs assumir o comando da grife. O estilista norte-americano, responsável pela direção criativa da Louis Vuitton, deixaria o cargo para trabalhar na Dior.

Reuniões entre funcionários da maison e representantes de Marc Jacobs devem acontecer nessa semana em Paris. Uma fonte revelou ao WWD que as negociações ainda não foram concluídas, mas que ambas as partes estão “empolgadas” com o projeto. O sócio de Marc Jacobs, Robert Duffy, também participaria da mudança.

O posto de Marc Jacobs na Louis Vuitton não ficaria vago por muito tempo: rumores apontam a estilista inglesa Phoebe Philo para o comando a lendária marca, fundada em 1854. É provável que a designer, atualmente no comando da francesa Céline, acumule as duas funções.

Ainda segundo as fontes do WWD, quando Bernard Arnault, CEO do conglomerado LVMH, começou a trazer designers de renome para suas marcas, nos anos 1990, o nome de Jacobs estava cotado para substituir Gianfranco Ferré na Dior. No entanto, o presidente da grife na época, Francois Baufume, preferiu a ascensão de John Galliano.

Na procura do substituto de Galliano, demitido após acusações de agressão verbal e antissemistismo, muitos nomes foram cotados para o cargo máximo da Dior: Ricardo Tisci, da Givenchy, Alber Elbaz, da Lanvin, Nicolas Ghesquière, da Balenciaga, Sarah Burton, da Alexander McQueen, Haider Ackermann e Hedi Slimane. Fontes alegaram que Elbaz, Guesquière e Burton recusaram a proposta e que as discussões com Ackermann e Slimane foram inconclusivas. Tisci ainda permanece como forte candidato para o cargo, que está vago desde março.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here